Responsabilidade e Transparência

Prefeitura de Jequié inicia distribuição de cestas básicas às instituições socioassistenciais

SECOM - Secretaria de Comunicação - quinta-feira, 30 de julho, 2020


A Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, deu início, na manhã desta quinta-feira, 30, à distribuição de cestas básicas às instituições socioassistenciais cadastradas no Conselho Municipal de Assistência Social. Fruto do repasse emergencial de recursos federais, a iniciativa visa contemplar ações socioassistenciais e estruturação da rede do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), nos estados e municípios brasileiros, com o intuito de ampliar as ações de combate aos efeitos da pandemia do novo Coronavírus, que atinge as pessoas atendidas por essas entidades.

Em Jequié a ação deverá atender a Fundação Leur Brito, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), a Associação de Surdos Centro Educacional Especializado de Jequié (ASCEEJE) e a Associação Jequieense de Cegos (AJECE). A distribuição, que deverá ser feita no período de três meses, tem como finalidade promover apoio nutricional às pessoas com deficiência e idosos em situação de acolhimento, cumprindo, assim, com a Portaria 369, do Ministério da Cidadania, publicada no Diário Oficinal da União, em 29 de abril.

As cestas básicas, adquiridas através de registro de preços, são compostas por alimentos ricos em proteína, além de materiais de limpeza e de higiene pessoal: três quilos de feijão; três quilos de arroz; dois litros de óleo de soja; quatro pacotes de macarrão espaguete; dois quilos de farinha de mandioca; quatro quilos de açúcar comum; um quilo de sal; dois pacotes de café; dois pacotes de flocos de milho; quatro pacotes de leite em pó; um pacote de biscoito cream cracker; duas margarinas; dois sabonetes; dois cremes dental, um pacote de papel higiênico e uma escova de dentes.

“Estamos executando a Portaria 369, do Ministério da Cidadania, e a entrega das cestas básicas vai ajudar a amenizar as dificuldades que os nossos assistidos estão enfrentando, além de trazer esperança e estabilidade, neste período de pandemia. Os recursos são destinados às ações de combate à Covid-19 e coube ao município efetuar a aquisição dos alimentos que estamos distribuindo às entidades cadastradas no Conselho Municipal de Assistência Social e aos idosos em situação de acolhimento.”, destacou a secretária de Desenvolvimento Social, Andrea Cerqueira.