São João de Jequié, o primeiro festejo junino sustentável do Brasil

A Prefeitura de Jequié, através da Secretaria de Cultura e Turismo, em parceria com a Energreener, empresa italiana responsável pela produção de energia sustentável e de créditos de carbono, buscou promover o São João de Jequié 2023 com o foco na redução do impacto ambiental que é causado pela liberação do dióxido de carbono (CO2), também conhecido como gás carbônico, durante os 12 dias de festejos juninos. No domingo, 9, durante solenidade de premiação dos concursos juninos, na Praça Rui Barbosa, foi entregue ao prefeito de Jequié, Zé Cocá e ao secretário de Cultura e Turismo, Domingos Ailton, o certificado de “São João Carbono Zero”. Além do gestor municipal e do secretário, estiveram presentes, a primeira dama e secretária de Desenvolvimento Social, Patrícia Miranda Brandão Santana; o presidente da Câmara Municipal, o vereador Emanuel Campos Silva, o Tinho de Waldeck; o representante da Energreener, Alex Aquino; e membros das entidades representativas do comércio e da indústria.

O certificado foi o primeiro concedido a um evento junino no Brasil e, de acordo com a parceria celebrada com a Energreener, a empresa irá compensar mais de 10 toneladas de gás carbônico emitidas durante o São João de Jequié. Para isso foi feito um cálculo do total de emissões de CO2, observando-se as atividades realizadas durante o evento, como a média de veículos que circularam, quantidade de profissionais que atuaram na execução e do público presente e, a partir daí, será feita uma compensação através de programas de conservação e recuperação ambiental e o projeto aplicado na cidade, deverá divulgado na Conferência de Mudanças Climáticas das Nações Unidas (COP28), no final deste ano nos Emirados Árabes.

“É um grande passo este que foi dado rumo a uma Jequié efetivamente sustentável. A parceria com a Energreener abre possibilidades muito interessantes e que queremos ver executadas em prol do avanço das políticas públicas de preservação do meio ambiente. A Prefeitura vem avançando nas ações de preservação, com a aquisição das usinas de energia solar das escolas municipais, que não poluem o ar, nem a terra e nem a água. Para além disso, e já contando com a parceria com a empresa italiana, podemos pensar na possibilitando da aquisição de carros elétricos para a frota de veículos da administração municipal, programas de plantio de árvores e bosques urbanos, coleta seletiva, reaproveitamento e reciclagem do lixo, apoio para criação de unidades de conservação, educação ambiental entre outras, colocando assim Jequié em destaque internacional.”, destacou o secretário de Cultura e Turismo, Domingos Ailton.